terça-feira, 23 de outubro de 2012

DE ONDE VENS

*DE ONDE VENS*

Autoria de Dory Caymmi e Nelson Motta

Ah, quanta dor vejo em teus olhos 
Tanto pranto em teu sorriso 
Tão vazias as tuas mãos 
De onde vens assim cansada 
De que dor, de qual distância 
De que terras,de que mar 
Só quem partiu pode voltar 
E eu voltei prá te contar 
Dos caminhos onde andei 
Fiz do riso amargo pranto 
No olhar sempre teus olhos 
No peito aberto uma canção 
Se eu pudesse de repente te mostrar meu coração 
Saberias num momento quanta dor há dentro dele 
Dor de amor quando não passa
É porque o amor valeu


http://www.dorivalcaymmi.com.br
Vale a pena ler e viver com Dorival Caymmi

4 comentários:

  1. Linda música, pura poesia, ainda mais na voz da Elis Regina. "dor de amor quando não passa / é porque o amor valeu" Lindo isso. Um abraço

    ResponderExcluir
  2. "Dar presentes é se dar de presente, para que o outro lhe guarde consigo.
    O presente é fantasia, aquela alegria que se quer dar,a alegria que,ainda que por um minuto ,
    queremos ser na vida de alguém ."
    Faço minhas estas palavras de Rosiska Darcy de Oliveira, para oferecer a você o selo/Prêmio Dardos.
    Passe no "Voar longe" para buscá-lo.
    Beijoo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindo, amei essa visão de "presentes".
      Fiquei feliz de receber esse prêmio, muito obrigada e grande beijo!!

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.